iBOM | A Banda de Música tocou para o Zé Toniquinho



140x140
Bom Despacho (MG), 21 de fevereiro de 2018

A Banda de Música tocou para o Zé Toniquinho

Zé Toniquinho com a Banda de Música do 7º Batalhão
Publicado em 25/01/2018 17:46:00

TADEU ARAÚJO - Perto de completar 81 anos de vida, no dia 20 de janeiro, Zé Toniquinho, que já viu e viveu de tudo nessa vida, recebeu um presente que o deixou maravilhado. Numa noite dessa de festas de fim de ano, ele desceu de seu apartamento no edifício Vicente Orsine. No corredor, o esperava nada mais nada menos que a gloriosa Banda do Sétimo Batalhão. Dezenas de amigos encheram o ambiente e curtiram junto com ele uma graça que parecia ter caído do céu, segundo suas próprias palavras.

E a Banda executou um pequeno concerto com a maestria e o encanto de sempre em homenagem a uma das personagens mais intrigantes e conhecidas de Bom Despacho. Aqui ele é muito querido pelos seus valores humanos e pela coragem de ter superado com galhardia, vida afora, os preconceitos homofóbicos ferrenhos por gerações de hoje e de antigamente.

Leve-se em conta que o Toniquinho, pai do Zé, foi o alfaiate que, nos anos de 1930, foi convocado pelo comandante para fazer o uniforme da primeira Banda de Jazz do sétimo Batalhão. Tarefa que ele executou com brilho e arte admiráveis.

Zé Toniquinho recorreu a mim, pedindo que agradecesse, por ele, ao maestro e aos músicos da banda. Também aos amigos, como o compositor e cantor Maurício Jesus da Silva e outros que ajudaram a promover a realização desse seu sonho, acalentado desde o ano passado.

- Gratidão, gratidão, imensurável gratidão é o que dedico aos que me proporcionaram um dos mais lindos dias de minha vida – afirmou o Zé, emocionado e agradecido.

Tadeu Araújo é professor, escritor e fundador da ABDL



Rua do Rosário, 72 – Centro – Fone (37) 3522.2361 – Bom Despacho - MG
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do Jornal de Negócios.