iBOM | Luís Fernando: BD exporta mais uma promessa do futebol



140x140
Bom Despacho (MG), 21 de fevereiro de 2018

Luís Fernando: BD exporta mais uma promessa do futebol

O jogador Luís Fernando Soares Rodrigues (Foto: Portal da Base Brasil)
Publicado em 19/01/2018 15:26:10

FABIANO OLIVEIRA - Caro leitor, venho mostrar o quanto nossa cidade é rica de bons jogadores. Por isto precisamos dar mais apoio e valorizar nossos atletas. Mesmo com pouca estrutura e pouco apoio, nossos jovens vêm se destacando no mundo do futebol, que é a maior paixão do brasileiro.

Já vimos grandes craques bom-despachenses do passado jogando no futebol profissional, como Bigode, Élcio e Edson Dedão. Mais recentemente temos o zagueiro Tuka e o Berbal, que jogaram em vários clubes do Brasil e do exterior. O Renato Augusto que atuou no Vasco e o Leandro Libério, que jogou em vários times do país e também em Portugal. Há também o rápido atacante Anderson Cordeiro do sub 20 do Galão da massa; o jovem Emerson Silva (Meson) que jogou nas equipes do Galo, Tupi, América de Teófilo Otoni, Valério, URT, CAP de Patrocínio e está hoje no Nacional de Muriaé. Todos eles são nossos valores.

Mas meu destaque desta edição é Luís Fernando Soares Rodrigues, que desponta no cenário futebolístico. Ele é filho de Elaine Soares Silva e Vantuil dos Santos Rodrigues e tem como ídolo o craque Messi, atual jogador do Barcelona.

Atualmente, Luís Fernando é meia atacante do Atlético Mineiro. Ele começou a jogar aos 5 anos de idade. Sua família, vendo sua desenvoltura, já aos 7 anos o levou para jogar na Praça de Esportes. Lá ele atuou por três anos. Quando completou 10 anos um amigo da família o levou para o Famorine, onde jogou por pouco tempo, Numa partida em Lagoa da Prata entre Famorine x Arce um olheiro se entusiasmou e o levou para um teste no São Paulo. Luís passou de cara no primeiro dia e por lá ficou um ano e meio sendo monitorado. Nas férias, um empresário de futebol o viu jogar e conversou com a família. Contou que pretendia leva-lo para a Ponte Preta, mas a família não gostou porque ele já estava no tricolor do Morumbi. Esse empresário então o levou para o Atlético Mineiro, onde Luís fez um teste. A comissão técnica atleticana viu seu talento e o segurou onde ficou um ano na categoria mais velha até que fosse montada sua categoria, treinando forte e jogando amistosos e copas.

Atualmente no juvenil do Galo, Luís Fernando já tem no seu currículo a disputa da Copa Nike, Copa Zico e BH Cup. Seu grande feito foi ser campeão mineiro em cima do rival na Toca da Raposa de virada por 3x2. Para ele foi uma emoção sem igual.

Outra coisa que o vem fazendo crescer foram treinamentos de falta com o Otero, jogador do profissional, e os contatos com Luan e Valdivia.

Perguntei ao nosso Luís Fernando qual a expectativa no clube para 2018 e ele me disse: minha expectativa é crescer muito mais, mesmo sendo mais novo, sendo primeiro ano de juvenil, quero disputar mais competições este ano, como BH Cup, Mineiro, Taça BH e a Future Champion 2018 na África, nos estádios da Copa do Mundo de 2010, onde o Galo foi campeão quatro vezes.

Agradeçou ao Luís Fernando, sua mãe e a toda a família por me receberem bem. Vejo uma grande pessoa, um jovem de talento com muita humildade. Desejo a você, Luís, muita saúde, sabedoria e muito sucesso. Pode contar comigo.

Fabiano Oliveira, repórter, comentarista e cronista esportivo



Rua do Rosário, 72 – Centro – Fone (37) 3522.2361 – Bom Despacho - MG
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do Jornal de Negócios.